Pular para o conteúdo principal

A hashtag #10yearschallenge fez sucesso

Colunista Cristiano Silveira fala sobre o desafio dos 10 anos, em que as pessoas fizeram comparações entre fotos atuais e antigas

A hashtag "desafio dos 10 anos" ou então "10 years challenge" movimentou as redes sociais na semana passada e fez com que muita gente participasse.
Para quem não acompanhou isso, esse "desafio" era uma coisa simples: postar uma montagem com uma foto de 10 anos atrás e uma atual, 2009 para 2019, e claro, usar a hashtag #10yearschallenge
Muita gente entrou nessa brincadeira, inclusive famosos. Só para você ter uma ideia, segundo o site Techtudo, até dia 21/01, foram mais de 9 milhões de publicações usando a hashtag. Somadas a esta, surgiram outras semelhantes como #HowHardDidAgingHitYou, #GlowUp e #2009vs2019, que descreviam o mesmo e somaram 2 milhões de publicações.

Aproveitando o desafio, surgiram também partes engraçadas como memes e fotos hilárias. Mas o pessoal aproveitou também o desafio para tratar de outros assuntos, como comparativos da economia, questões políticas e até aquecimento global. 
Claro que não faltaram especulações a respeito desse desafio. Comentários sugerem que quem está por trás disso é o Facebook, onde usa essas fotos 2009 e 2019 para calibrar seus algoritmos de reconhecimento facial. Mas que foi uma festa para quem trabalha com isso, ah, isso foi.

Mas tratando-se mais especificamente de tecnologia, você lembra das tecnologias que usava, há 10 anos, no seu dia-a-dia? 
Em 2009, o iPhone tinha apenas 2 anos e ainda não tinha essa gama de aplicativos e serviços online funcionando.
E chamar um táxi? Telefone ou chamar um diretamente no ponto de táxi. Hoje em dia, Taxi Legal, Garupa, Uber, 99 resolvem o problema rapidamente.
Pedir comida então? Se quisesse uma pizza, tinha que ficar ligando pelo celular e o fixo, ao mesmo tempo, até conseguir ser atendido. Hoje em dia, os aplicativos Delivery Much e iFood nos ajudam a descomplicar isso.
Quer assistir um filme? Aquela passadinha na locadora na sexta-feira, pegar uns 3 filmes e poder devolver somente na segunda-feira... quem nunca? Pois é, hoje o Youtube e o Netflix resolveram o problema de DVD riscado ou ter que passar na locadora para devolver a tempo, antes de pagar multa.

Quer se deslocar? Se tem carro, em 2009 ou você tinha um GPS da Garmin e tinha que atualizar constantemente os mapas. Agora, o Waze facilita muito. Se está de ônibus, tinha que basicamente perguntar nos pontos de ônibus ou buscar os horários diretamente nas empresas. Hoje, você pode usar o Urmob e acompanhar em tempo real o deslocamento do ônibus.
E falar com as pessoas então? Antes tinha que telefonar ou enviar mensagem de texto (SMS). Hoje em dia, o Whatsapp resolve tudo isso, tudo mesmo.


Na China, por exemplo, o aplicativo WeChat resolve tudo. Tem as funções do Whatsapp, mas também permite transferir dinheiro, pedir comida, chamar um táxi, alugar uma bike, marcar consulta médica, enviar currículo e agora até solicitação de visto de viagem. 
Para os próximos 10 anos, não tenho dúvida que a mudança será muito grande. A inteligência artificial está avançando a cada dia, trazendo muito mais comodidade em serviços para nós.
E você, qual a tecnologia que você usava em 2009? E o que você usa hoje?
Abraço e sucesso.






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Quer pagar como?

Colunista Cristiano Silveira comenta sobre a funcionalidade dos celulares para realizar pagamentos E aí, quer pagar como? Sim, uma pergunta desse tipo está cada vez mais comum no dia-a-dia. Antigamente, dinheiro e cheque estavam resolvendo. Aí veio a tal da tecnologia e acelerou tudo.  Sim, acelerou mesmo. Depois com a chegada dos cartões, crédito ou débito, ficou muito mais prático. Só colocar o cartão, digitar a senha e pronto! Não precisava mais carregar dinheiro ou cheque. Mas a tecnologia resolveu ajudar mais um pouco e então resolveram agregar acessórios e outras tecnologias, que inventaram as pulseiras ou até mesmo cartões que realizam o pagamento somente aproximando das maquininhas. Mas se deram conta de uma coisa: por que precisa carregar um cartão de crédito ou débito, se carrego o celular para todo o lugar? Pronto. Criaram os apps que armazenam os dados do seu cartão e servem como carteiras virtuais, onde você começa a pagar apenas aproximando o celular das maqu

3 tendências da tecnologia para 2020

*Texto publicado originalmente na coluna Tecnologia, do jornal Diário de Santa Maria, dia 25.02.2020 E aí, pessoal?! Estão curtindo o carnaval? Festa e agito, ou sofá e Netflix? Mas relaxa, a gente aproveita o carnaval como achar melhor. E falando em aproveitar, já que estamos prestes a iniciar o ano para valer, quero aproveitar para trazer para você as tendências da área de tecnologia que vão impactar a sua vida, seja pessoal, profissional ou social. Foto: Brasil de Fato São inúmeras as tecnologias que vão crescer esse ano, mas resolvi trazer aqui apenas 3 que considero bem importantes destacar. Essa observação foi dada pelo mestre Mauricio Benvenutti, sócio da  StartSe .  Ele mora no Vale do Silício, nos Estados Unidos, e em uma visita ao Brasil, ele comentou sobre as 3 tendências de tecnologia que estão mexendo com o Vale. A primeira, que está se disseminando muito rápido e que promete uma mega tendência em médio e longo prazo chama-se "Voice first". Nada ma

Novas linhas para os carros do futuro?

Colunista Cristiano Silveira comenta sobre o Tesla Cybertruck Semana passada foi marcada por uma novidade e tanto no mercado automobilístico. A chegada do novo carro da fabricante Tesla, a Cybertruck .  Logo de cara, o que mais chama a atenção no carro é o design. De ousado a horroroso, as pessoas não economizaram críticas e elogios ao novo modelo.  E o que você acha?  Foto: Tesla (divulgação) Mas quando se trata de criar carros, a Tesla não está para brincadeira. Eles criaram um carro ultra resistente, mais rápido que um Porsche 911 e mais forte que uma Ford F-150. Segundo o site de vendas da própria  Tesla , onde você pode customizar o seu pedido, existem três tipos de motorização: Single Motor RWD; Dual Motor AWD; e Tri Motor AWD, com autonomia de 250 milhas (402km), 300 milhas (482km) e 500 milhas (804km) respectivamente. Lembrando que a Cybertruck é 100% elétrica, não usa combustível fóssil.  Além da motorização, na customização do seu pedido, você pode acrescenta